Home A Top A CYPE Produtos Serviços Ensino Superior Contactos
PRODUTOS
CATÁLOGO
Placas de amarração

O software resolve placas de amarração para as várias disposições do pilar metálico (perfis simples e compostos). É possível igualar placas de amarração manualmente copiando umas placas de amarração sobre outras, no final o programa realiza a verificação da placa atribuída.

Permite editar as placas de amarração, modificá-las manualmente e verificar a sua geometria, a disposição dos seus pernos, rigidificadores e a posição do pilar.

Apresenta o 3D, o pormenor bem como as listagens de verificação e medição das placas de amarração.

O software contém opções de configuração para o cálculo e dimensionamento das placas de amarração, que permitem otimizar o dimensionamento.

Assume a hipótese de placa rígida. Para o betão onde apoia a placa verifica a tensão de compressão para cada combinação.

Nos pernos de amarração verifica a resistência do material dos pernos, decompõe os esforços atuantes sobre a placa em esforços axiais e transversos nos pernos e verifica-se se ambos os esforços, em separado e interagindo (tensão de Von Mises), produzem tensões menores do que a tensão limite do material dos pernos. Verifica a amarração dos pernos no betão de tal modo que não se produzam falhas por falta de aderência, o arrancamento do cone de rotura, ou a rotura por corte (esmagamento do perno). Verifica ainda que em cada perno não se supera o corte que produziria o esmagamento da placa contra o perno.

Nas placas com consola, analisam-se quatro secções no perímetro do perfil, e verifica-se em todas elas se as tensões de Von Mises são menores do que a tensão limite segundo a norma. Verifica que não apareçam flechas maiores que l/250 da consola. Verifica ainda as sub-placas locais, em que tanto o perfil como os rigidificadores dividem a placa de amarração propriamente dita. Os esforços em cada uma das sub-placas obtêm-se a partir das tensões de contacto com o betão e dos esforços axiais dos pernos. O modelo gerado resolve-se por diferenças finitas.


       

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais  OK